Casca de Maracujá – Benefícios, Como Fazer a Farinha e Como Consumir

A casca de maracujá é um dos itens mais procurados pelas pessoas que desejam tratar diversos problemas de saúde de forma 100% natural.

Para saber por que ela é tão eficaz e como consumi-la no dia a dia, acompanhe nosso artigo.

 

casca-de-maracujá-benefícios

 

6 Benefícios da Farinha da Casca de Maracujá

1 – Diminui a glicose no sangue

Um dos usos mais comuns (e eficazes) dessa farinha é para reduzir os níveis de glicose no sangue, sendo por este motivo indicada para pessoas que sofrem de diabetes ou que já apresentam taxas altas de glicose, que futuramente poderiam causar complicações.

O motivo desse efeito tão positivo ocorre graças à alta concentração de pectina nessa casca. Essa substância se transforma numa espécie de gel, absorvendo o excesso de açúcar e gordura no organismo, provocando uma verdadeira faxina.

Publicidade

2 – Diminui o colesterol ruim (LDL)

E por falar em eliminar gordura, outro dos importantes benefícios da farinha da casca de maracujá trata-se da significativa redução dos níveis de colesterol ruim no organismo, o perigoso LDL.

Isso ocorre também devido à pectina, que como mencionado, contribui para eliminar o excesso de gordura da corrente sanguínea.

3 – Favorece o emagrecimento

Não é novidade que os dois grandes vilões de qualquer dieta consistem no açúcar e nas chamadas gorduras ruins.

Pelo fato de as substâncias contidas nesta casca atuarem justamente na eliminação dessas duas substâncias, ela favorece a perda de peso e potencializa a queima de calorias.

4 – Melhora o intestino

Em virtude da excelente quantidade de fibras contidas na casca do maracujá, a farinha dela é tida como uma das maiores aliadas naturais para melhorar o funcionamento do intestino, evitando prisão de ventre, constipação, inchaço abdominal etc.

De acordo com um levantamento, foi constatado que duas colheres de sopa dessa farinha suprem quase 75% da necessidade diária quanto à ingestão de fibras.

5 – Reduz os triglicerídeos

Os chamados triglicérides (ou triglicerídeos) consistem na forma de gordura mais comum do organismo, sendo produzida em sua maior parte pelo fígado. Como? Quando ingerimos alimentos como doces, massas e pães, por exemplo, o fígado transforma o açúcar contido neles em triglicerídeos, ou seja, em gordura que ficará acumulada nos tecidos.

Embora os triglicerídeos sejam necessários para o funcionamento do organismo, quando em excesso ele provoca o acúmulo de gordura nas paredes e no interior das artérias, aumentando o risco de infarto.

Publicidade

Pelo fato de a casca de maracujá atuar justamente na eliminação do excesso de açúcar e gordura, ela é uma das maneiras mais eficazes de diminuir naturalmente os níveis de triglicerídeos.

6 – Favorece a digestão

Graças às fibras presentes nessa casca, outro dos benefícios que o consumo dela oferece para a saúde trata-se de favorecer o processo digestivo, contribuindo para evitar terríveis desconfortos como azia, má digestão e sensação de inchaço do abdômen.

Como Fazer a Farinha da Casca de Maracujá

Podemos encontrar a farinha da casca de maracujá em mercados ou nós mesmos podemos fazer.

Ingredientes:

  • 4 cascas de maracujá

Modo de Preparo:

  • Retire toda a polpa do maracujá deixando apenas a casca;
  • Leve-as ao forno até ficarem bem assadas (ao ponto de quebrarem);
  • Em seguida, bata no liquidificador até que vire farinha;
  • Guarde em um recipiente fechado e seco.

Como consumir essa farinha?

Para quem deseja obter muito mais saúde e qualidade de vida, por meio do consumo dessa farinha, basta seguir as seguintes recomendações:

Consumi-la 30 minutos antes das refeições

Para quem deseja emagrecer, o ideal é consumir a farinha 30 minutos antes das principais refeições, já que isso favorece a saciedade e naturalmente faz com que a pessoa coma menos.

Neste caso, a farinha deve ser dissolvida em um copo de água.

Polvilhada na comida ou alimentos

Essa farinha também pode ser polvilhada na comida e também em frutas, iogurtes e cereais.

Dissolvida em sucos

Essa farinha pode ser dissolvida em sucos naturais, facilitando ainda mais o consumo.

Vale ressaltar que em hipótese alguma esta farinha deverá ser levada ao fogo, já que isso poderia anular os benefícios oferecidos.

Qual a quantidade diária recomendada?

A quantidade recomendada dessa farinha é de no mínimo 1 colher de sopa e no máximo 2 colheres de sopa por dia.

Ela apresenta contraindicações?

Embora essa farinha não apresente contraindicações, é preciso ressaltar que pelo fato de ela diminuir o nível de glicose no sangue, os pacientes que fazem uso contínuo de insulina deverão consultar o médico, evitando a hipoglicemia (baixa quantidade de glicose na corrente sanguínea).

Quais são os possíveis efeitos colaterais?

Quando ingerida em exagero ou de forma inadequada (além da quantidade recomendada), essa farinha pode causar:

  • Diarreia;
  • Sensação de inchaço no abdômen;
  • Enjoos e/ou vômitos.

Como potencializar os efeitos da farinha da casca de maracujá

Obviamente, para conseguir os melhores efeitos com relação ao consumo dessa farinha, é primordial:

Cuidar da alimentação

Tanto para controlar o colesterol, diabetes e ajudar no emagrecimento, é indispensável adquirir novos hábitos alimentares, buscando ingerir maior quantidade de verduras, frutas, legumes, grãos, leite desnatado, queijos magros etc.

O consumo exagerado de gordura deve ser evitado, assim como também recomenda-se reduzir o consumo de bebidas alcoólicas, melhorando a saúde do fígado.

Ingerir bastante água

Como a farinha dessa casca é muito rica em fibras, para que essa substância desempenhe bem seu papel, é crucial ingerir bastante água (2 litros por dia).

As fibras precisam de líquidos, pois do contrário, elas formam uma espécie de “pasta” no intestino, não surtindo o efeito esperado quanto ao emagrecimento e funcionamento do intestino.

Praticar atividade física

Além de evitar diversas doenças como hipertensão, colesterol e diabetes e favorecer o emagrecimento, a atividade física contribui para fortalecer as defesas imunológicas, tornando as pessoas mais resistentes à ação dos vírus, bactérias e fungos responsáveis por provocar gripes, resfriados e vários tipos de infecções.

Ter um hobby

Realizar uma atividade que proporcione prazer mental tem tudo a ver com a saúde. O motivo disso, é que nos momentos de alegria, o organismo naturalmente libera hormônios essenciais para evitar doenças.

Algumas sugestões de atividades são: cuidar de plantas, fotografar, passear com o animal de estimação, costurar, fazer artesanato, dançar etc.

Consultar o médico regularmente

O consumo da farinha da casca de maracujá de forma alguma exclui a necessidade de fazer acompanhamento médico por meio de consultas e exames clínicos e laboratoriais.

O conjunto de todos esses cuidados trarão grandes benefícios, fazendo principalmente com que sejam drasticamente diminuídos os níveis de açúcar e gordura no sangue.

 

Fontes em Inglês: 1

 

dicas Dica Extra: Como Curar Doenças de Forma Natural

Descubra como PREVENIR e CURAR doenças através de métodos naturais e alimentos simples. Descubra o real PODER DE CURA PELA NATUREZA - Clique Aqui

Publicidade

Leia também:


Deixe um Comentário

Deixe um Comentário

Seu e-mail não será publicado.


*