Maracujá – 9 Benefícios do Maracujá para Saúde

Muito além das suas propriedades naturalmente calmantes, o maracujá oferece inúmeros outros benefícios para a saúde do organismo, podendo ser consumido de diferentes maneiras.

Para saber quais são esses benefícios e como potencializar o consumo desta fruta, basta conferir este post!

 

maracuja-quais-beneficios-ele-traz-para-sua-saude

Lista de benefícios do maracujá

1 – Previne e combate o câncer

Por ser muito rica em vitamina C, um dos mais potentes antioxidantes naturais, esta fruta atua no combate aos radicais livres responsáveis pela ocorrência de tumores cancerígenos.

Além disso, o maracujá é rico em flavonoides e em vitamina A, fator determinante para a prevenção de tumores no pulmão e na boca.

2 – Favorece a saúde do coração

Devido à grande quantidade de antioxidantes presentes nesta fruta reconhecida pelo sabor azedo, ela auxilia na proteção das artérias, prevenindo o enrijecimento delas.

Além disso, em decorrência das fibras contidas nesta fruta, ela diminui o nível de colesterol ruim existente na corrente sanguínea, prevenindo graves problemas como infartos, derrames e tromboses.

3 – Ajuda na digestão

Também por ser rico em fibras, o maracujá exerce um papel fundamental no processo digestivo, evitando diversos tipos de problemas relacionados ao intestino.

4 – Combate a insônia

Não é novidade que o consumo desta fruta está associado às propriedades calmantes que ela possui, sendo inclusive muito utilizada pela indústria farmacêutica.

Este efeito é possível graças aos flavonoides e alcaloides contidos no maracujá, substâncias que atuam como poderosos tranquilizantes naturais do sistema nervoso central.

5 – Previne a anemia

Rica em ferro e em vitamina C, esta fruta contém a combinação mais que perfeita para auxiliar na prevenção e tratamento natural da anemia.

O ferro, como muitos sabem, é indispensável para estimular a produção de glóbulos vermelhos. A vitamina C, por sua vez, potencializa a absorção do ferro pelo organismo.

6 – Fortalece a imunidade

Devido à excelente quantidade de vitamina C encontrada nesta fruta, ela desempenha um papel importantíssimo para o fortalecimento do sistema imunológico, evitando processos infecciosos causados por vírus e bactérias.

7 – Auxilia no emagrecimento

Poucas pessoas sabem disso, mas o consumo regular de maracujá é um grande aliado das pessoas que desejam perder peso.

Este benefício ocorre graças a uma substância conhecida como pectina (encontrada na casca do maracujá), que atua como uma espécie de gel no estômago, contribuindo para a percepção da saciedade e equilibrando o apetite.

A pectina também potencializa a eliminação da gordura por meio das fezes, fazendo com que as pessoas consigam perder peso em menos tempo.

8 – Diminui a ansiedade

Pelo fato de o maracujá conter propriedades relaxantes/calmantes, ele também auxilia na diminuição da ansiedade, um dos principais desencadeadores do estresse crônico.

9 – Auxilia no tratamento da depressão

Como o maracujá contribui para noites de sono mais revigorantes e auxilia no controle da ansiedade, consequentemente o consumo regular desta fruta coopera para o tratamento de quadros depressivos sazonais.

Vale ressaltar que a ingestão desta fruta não elimina a necessidade de acompanhamento psicológico e psiquiátrico.

Quais as melhores maneiras de consumir maracujá?

Esta fruta pode ser utilizada das mais diferentes maneiras, sendo recomendado consumi-la pelo menos 3 vezes por semana. Entre as formas de utilização do maracujá, destacam-se:

  • Utilizá-lo no preparo de sucos, smoothies, vitaminas e até mesmo em chás;
  • Adicioná-lo em molhos para salada;
  • Consumi-lo por meio de geleias;
  • No preparo de sobremesas (recomenda-se fazê-las com pouco açúcar);
  • Por meio da farinha da casca de maracujá.

Vale ressaltar que a farinha da casca desta fruta é tida como uma poderosa combatente natural do diabetes e do colesterol. Por este motivo, ela está entre os itens mais procurados nas lojas de produtos naturais.

 

maracuja-emagrece

Como consumir a farinha da casca de maracujá?

A quantidade diária recomendada para consumo desta farinha é de no máximo 2 colheres de sopa, que podem ser utilizadas da seguinte forma:

  • No preparo de sucos;
  • Misturadas com água;
  • Polvilhadas na comida.

Recomenda-se consumir esta farinha de manhã, durante ou após as refeições.

Receita do suco refrescante de maracujá

Ingredientes

  • Polpa de 1 maracujá grande;
  • 1 cenoura pequena descascada;
  • 4 folhas frescas de hortelã;
  • 1 maçã sem casca;
  • 200 ml de água gelada.

Preparo

Basta bater todos os ingredientes no liquidificador, coar, bater novamente (fazendo com que o suco fique consistente) e beber logo em seguida.

Além de nutritivo, este suco é bastante saboroso e muito indicado sobretudo no verão.

Receita do chá de maracujá para dormir melhor

Embora poucas pessoas tenham o hábito de consumir este chá, ele consiste em um excelente remédio natural para a insônia, contribuindo imensamente para uma noite de sono renovador.

Ingredientes

  • Polpa de 1 maracujá;
  • 1 colher de sopa de mel;
  • 2 xícaras de água.

Preparo

  • Em um recipiente, colocar a água e a polpa do maracujá;
  • Levar ao fogo e deixar que a mistura ferva (preferencialmente tampada) por cerca de 5 minutos;
  • Desligar o fogo e acrescentar o mel, mexendo até que ele fique bem dissolvido;
  • Coar e ingerir o chá morno (preferencialmente 30 minutos antes de dormir).

Curiosidades sobre o maracujá

As flores desta fruta são muito exuberantes, possuindo pétalas brancas e roxas. Além disso, a formação desta flor recorda as chagas de Cristo, sendo por este motivo o maracujá conhecido como o “Fruto da Paixão”;

Há muitas espécies desta fruta, sendo que variam em cor e tamanho. Essas espécies são basicamente de maracujá: mirim, melão, igapó, guaçu e comprido;

Esta fruta é nativa da América do Sul. Inclusive, a flor do maracujá, pelos motivos citados acima, serviu como um “sinal” para que o evangelho fosse ensinado aos povos nativos;

Embora esta fruta seja cultivada no Caribe e nos EUA (mais especificamente na Flórida), o Brasil se apresenta como o país que mais produz e consome maracujá em todo o mundo;

O óleo de maracujá é amplamente utilizado na fabricação de produtos de higiene pessoal, sendo adicionado na composição de: hidratantes, loções, óleos de banho, sabonetes, produtos para o cabelo etc.

Todas essas informações demonstram que são várias as maneiras disponíveis para consumo do maracujá, demonstrando que a natureza nos oferece todos os recursos necessários para a cura e prevenção de diversas doenças.

Fontes:

1, 2, 3

Imagens: 
mundoboaforma.com.br  dicasdieta.com.br

dicas Dica Extra: Como Curar Doenças de Forma Natural

Descubra como PREVENIR e CURAR doenças através de métodos naturais e alimentos simples. Descubra o real PODER DE CURA PELA NATUREZA - Clique Aqui

Leia também:




Deixe um Comentário

Deixe um Comentário

Seu e-mail não será publicado.


*