Óleo de Prímula – Para que Serve esse Óleo, Como Tomar – Efeitos Colaterais

O chamado óleo de prímula é produzido por uma planta chamada de estrela-da-noite ou prímula-da-noite, sendo reconhecido devido às suas inúmeras propriedades medicinais.

Para saber mais detalhes acerca dos benefícios deste óleo e quais as melhores maneiras de utilizá-lo, confira nosso post!

 

oleo-de-primula-quais-os-beneficios-que-ele-proporciona-para-saude

Quais são as propriedades do óleo de prímula?

Este óleo é rico em diversas substâncias essenciais à manutenção da saúde do organismo, sendo elas:

  • Ácidos graxos essenciais, entre eles o ômega 6, ácido oleico, ácido palmítico e ácido esteárico;
  • Prostaglandina E1 (possui propriedades semelhantes a dos hormônios).

Para que serve o óleo de prímula 

1 – Ajuda a emagrecer

Pelo fato de este óleo auxiliar no processo da queima de gordura armazenada no corpo, ele é tido como um potente aliado natural no processo de emagrecimento.

Publicidade

Além disso, por conter substâncias que diminuem a velocidade da absorção de carboidratos pelo organismo, este óleo extraído da prímula atua no prolongamento da saciedade, o que naturalmente equilibra o apetite.

2 – Previne e controla o diabetes

O óleo produzido pela prímula apresenta excelentes resultados na prevenção e controle do diabetes, que ainda é uma das doenças que mais afetam a população mundial.

O motivo disso é que este óleo atua na redução do valor glicêmico das refeições, cooperando para equilibrar os níveis de glicose e insulina no organismo.

3 – Reduz o inchaço do corpo

Devido ao fato de o óleo de prímula melhorar as funções metabólicas, ele naturalmente evita que o organismo retenha líquidos, diminuindo gradativamente o inchaço do corpo como um todo.

4 – Diminui o colesterol

Entre os benefícios deste óleo, destaca-se também o papel que ele desempenha na redução do colesterol ruim, o chamado LDL.

Entretanto, vale ressaltar que o consumo deste óleo deve ser feito juntamente com ômega 3, já que o óleo de prímula também reduz o colesterol bom para o organismo (HDL).

5 – Melhora a saúde da pele

O óleo em questão apresenta excelentes resultados no tratamento natural de diversos tipos de problemas na pele, entre eles: eczema (inflamação), acne e psoríase.

Além disso, o consumo regular deste óleo atua na prevenção do envelhecimento precoce, perda de tonicidade e elasticidade da pele etc, propiciando um aspecto muito mais rejuvenescido sobretudo para o rosto.

Publicidade

6 – Favorece a saúde dos cabelos

O óleo de prímula é tido como um poderoso aliado natural para combater a queda de cabelo tanto em homens quanto em mulheres, auxiliando no fortalecimento e nutrição dos fios.

7 – Fortalece os ossos

Desde que em paralelo ao consumo de óleo de peixe, o óleo extraído da prímula coopera para o fortalecimento dos ossos, já que ele potencializa a absorção do cálcio.

Por este motivo, o consumo desses óleos é ainda mais indicado para as mulheres, já que elas sofrem maior incidência de osteoporose.

primula

8 – Ameniza dores articulares

O consumo de óleo de prímula tanto puro quanto com óleo de peixe apresenta resultados muito eficazes no alívio das dores causadas pela artrite reumatoide.

O motivo disso é que as substâncias contidas neste óleo atacam a grande causa das dores articulares: a inflamação.

9 – Equilibra a pressão arterial

Graças ao fato de este óleo atuar no fortalecimento das artérias, diminuir o colesterol e reduzir as inflamações, ele é tido como um poderoso aliado da saúde cardiovascular, evitando a formação de coágulos, diminuindo o risco de infarto e também de AVC.

10 – Alivia os sintomas da TPM e da menopausa

Devido ao ácido gama-linolênico, entre os benefícios do óleo de prímula, um dos mais conhecidos é a ação reguladora dos hormônios responsáveis pelo ciclo menstrual.

Este fator naturalmente alivia os sintomas da TPM, tais como: cólicas, dores de cabeça, alterações de humor etc.

Além disso, este óleo também é bastante eficaz ao amenizar os sintomas e desconfortos típicos da menopausa, sobretudo as ondas de calor.

11 – Auxilia no tratamento da infertilidade feminina

Outro dos benefícios com relação ao óleo de prímula trata-se de ele exercer um papel importantíssimo em auxílio ao tratamento da infertilidade feminina.

Isso ocorre graças à composição dos ácidos graxos que favorecem a produção do muco cervical, aumentando a mobilidade dos espermatozoides.

12 – Auxilia no tratamento do alcoolismo

Embora este seja um benefício pouco divulgado com relação ao óleo de prímula, ele auxilia também na redução dos sintomas associados à abstinência de álcool, sendo por esta razão muito recomendado para o tratamento natural do alcoolismo.

Qual a quantidade indicada deste óleo?

Para usufruir dos benefícios fornecidos por este óleo, a quantidade diária recomendada é de 500 a 1000mg deste suplemento, consumido por meio de cápsulas.

Como tomar este suplemento?

A melhor maneira de ingerir o óleo de prímula é juntamente com água, pois outros líquidos podem ocasionar inchaço abdominal.

As pessoas que desejam perder peso deverão ingerir as cápsulas deste óleo preferencialmente antes das refeições.

Este óleo apresenta efeitos colaterais?

Embora o óleo de prímula consista em um elemento 100% natural, ele poderá apresentar alguns efeitos colaterais (sobretudo quando ingerido em exagero), que são:

  • Náuseas;
  • Dores no abdômen;
  • Dor de cabeça;
  • Diarreia;
  • Maior incidência de ataques epilépticos (em pessoas que já sofrem da doença);
  • Aumento do risco de hemorragia;
  • Aumento do tempo de coagulação sanguínea;
  • Reações alérgicas.

Contraindicações

Devido aos possíveis efeitos colaterais apresentados, este óleo é contraindicado para:

  • Pessoas com diagnóstico atual ou anterior de epilepsia;
  • Gestantes;
  • Mulheres que estão amamentando;
  • Pessoas que sofrem de transtorno esquizofrênico;
  • Pessoas que apresentam doenças relacionadas à coagulação sanguínea;
  • Pessoas que fazem tratamentos hormonais devem recorrer a um especialista antes de iniciar o uso do óleo de prímula.

A importância da mudança de hábitos

Obviamente, para obter os melhores resultados para a saúde, além do consumo deste óleo e outros tipos de suplementação, é indispensável adotar hábitos de vida mais saudáveis.

Isso envolve uma alimentação mais nutritiva e balanceada, a prática de exercícios físicos, acompanhamento médico regular e até mesmo o uso de terapias alternativas.

Todas as pessoas, dispostas ou não a adotarem o consumo do óleo de prímula devem recorrer sempre a um especialista e fazer consultas e exames médicos regularmente.

Fontes: 
1, 2
 
Imagem:
primula.com.br  dicasparaperderpeso.com.br

dicas Dica Extra: Como Curar Doenças de Forma Natural

Descubra como PREVENIR e CURAR doenças através de métodos naturais e alimentos simples. Descubra o real PODER DE CURA PELA NATUREZA - Clique Aqui

Publicidade

Leia também:


Deixe um Comentário

Deixe um Comentário

Seu e-mail não será publicado.


*