Chá de Dente de Leão – 6 Benefícios, Contraindicações e Efeitos colaterais – Como Fazer

É muito difícil quem não conheça a planta dente de leão, em especial as crianças que se criaram no campo, pois ela é utilizada para brincadeiras (sopram as sementes brancas ao vento), essa simples ação, faz com que essa erva originária da Europa se prolifere e germine cada vez mais.

O nome científico do dente leão é taraxacum oficcinale, mas a planta é conhecida popularmente como: Alface de cão, amargosa, taracaxo, amor de homem e esperança. Em alguns Países, as flores são utilizadas para fazer bebidas como o licor, em outros, são utilizados em saladas e como chá.

cha-de-dente-de-leao

Nesse artigo, vamos conhecer as propriedades medicinais, benefícios, contraindicações e efeitos colaterais do chá de dente de leão. Confira:

Propriedades do Chá de Dente de Leão

Esse chá é extremamente nutritivo e possui uma grande variedade de vitaminas e minerais importantes para a saúde, entre eles:

Publicidade

  • Rico em vitaminas A, B6 e C (mais vitamina A que a cenoura);
  • Rico em minerais (cálcio, magnésio, potássio, cobre e ferro) – a proporção de 1 xícara de chá de dente de leão, tem a mesma quantidade de cálcio do que meia xícara de leite.
  • Proteínas;
  • Inulina;
  • Pectina;
  • Tiamina;
  • Riboflavina;

Lista dos 6 Benefícios do Chá de Dente de Leão

Agora, você vai conhecer os benefícios desse chá para a sua saúde, bem-estar e beleza da pele, confira:

1 –  Efeito diurético para desintoxicar o organismo

O uso do chá de dente de leão é apropriado para eliminar as toxinas do corpo através da urina. Inclusive, já existem pesquisas que apontam sua eficácia em tratamentos contra doenças renais e urinárias onde é estimulada a eliminação de líquidos, sem perder o potássio como acontece com alguns medicamentos diuréticos.

2 – Antioxidante bom para o fígado

A luteolina e a vitamina C são excelentes antioxidantes e estão presentes no chá de dente de leão. Esses ingredientes ajudam a manter o bom funcionamento do fígado no seu processo de metabolização e armazenamento de nutrientes, com isso, melhora o fluxo biliar, promove melhoria na digestão e diminui as chances de problemas gastro intestinais.

3 – Ajuda a tratar doenças de pele e acne

A vitamina A é essencial para manter as funções das mucosas e das células da pele agindo como um reparador em caso de infecções microbianas e fúngicas. O chá de dente de leão elimina as toxinas do organismo através da urina e do suor, a seiva da planta pode ser aplicada em cima de comichões, eczemas e acnes para combater as inflamações e melhorar o aspecto da pele.

4 – Perda de peso

A perda de peso é conseqüência da eliminação de líquido, pois o chá de dente de leão possui efeitos diuréticos que ajudam pessoas que tem problemas de retenção.  A limpeza promovida no organismo ajuda no processo de emagrecimento, pois melhora as funções no trato digestivo, fígado e intestino.

5- Prevenção do câncer

Os antioxidantes encontrados nesse chá, fazem dessa planta um grande aliado na prevenção do câncer de mama, próstata e leucemia. A vitamina C e a luteolina elimina os radicais livres reduzindo o desenvolvimento das células cancerosas.

Segundo estudiosos da medicina natural, a planta dente leão é uma das poucas utilizadas no tratamento da leucemia mielomonocítica crônica, pois é uma erva aliada na construção de glóbulos vermelhos.

6 – Diminui açúcar no sangue

Os pacientes diabéticos podem contar com o chá de dente de leão como aliado para estimular a produção de insulina pelo pâncreas, pois diminui o nível de açúcar no sangue. Seu poder diurético é responsável também pela eliminação do açúcar nos rins através da micção.

Publicidade

Além disso, esse chá aumenta a imunidade do usuário e previne perda de memória relacionada a idade, fortifica os ossos devido a fonte de cálcio e melhora o trânsito intestinal.

Como fazer 

Ingredientes:                                                                           

  • 1 litro de água
  • 2 colheres de sopa de folhas ou a raiz do dente leão

Modo de preparo:

1- Junte a água com as folhas ou a raiz;

2- Ferva por 3 minutos;

3- Tampe e deixe resfriar por uns 10 minutos;

4- Coe e tome ao longo do dia, pode colocar na geladeira;

Não ultrapasse 3 xícaras por dia.

Efeitos Colaterais

O chá de dente de leão não pode ser tomado em excesso, pode causar dores no estômago, pois aumenta o ácido gástrico, azia e diarréia. Existem alguns estudos que pessoas alérgicas a planta podem desenvolver aftas.

Contraindicações

As pessoas que apresentarem as condições a seguir, devem ter cautela no consumo do chá de dente de leão. Qualquer dúvida, consulte o seu médico.

1- A planta possui uma substância chamada cumarina que pode interferir com alguns medicamentos e causar hemorragias, são eles: Anticoagulantes (heparina e varfarina), anti-inflamatórios (naproxeno e ibuprofeno), anti-agregantes, aspirina;

2- Pessoas com problemas severos de gastrite devem consultar o médico para saber se pode consumir a planta, já que ela produz mais ácido gástrico;

3- Pacientes com lítio deve ter orientação médica para o consumo dessa planta;

4- O chá de dente de leão pode interferir na ação de antibióticos (ciprofloxacina, norfloxacina e ofloxacina);

5- Diabéticos que usam insulina devem ter cautela no uso desse chá, pois os componentes da erva podem baixar o excesso de açúcar no sangue e causar hipoglicemia.

Algumas pessoas pensam que produtos naturais podem ser consumidos à vontade, no entanto, não funciona dessa forma. É preciso ter cautela e seguir as orientações indicadas de posologia diária, qualquer alteração desagradável, suspenda o uso.

Se você possui algum dos problemas citados nas contraindicações, consulte o seu médico antes de tomar o chá de dente de leão. Essa planta é poderosa na prevenção e tratamento de inúmeros problemas de saúde quando utilizada com sabedoria.

dicas Dica Extra: Como Curar Doenças de Forma Natural

Descubra como PREVENIR e CURAR doenças através de métodos naturais e alimentos simples. Descubra o real PODER DE CURA PELA NATUREZA - Clique Aqui

Publicidade

Leia também:


Deixe um Comentário

Deixe um Comentário

Seu e-mail não será publicado.


*