Remédio Caseiro para Fermentação- Tratamento Natural

cha-de-boldo-remedio-caseiro-para-fermentacao-tratamento-natural

Em bioquímica, fermentação é a decomposição de moléculas complexas pela ação de enzimas (ou fermentos). Os naturopatas dão à “fermentação” sentido pragmático: transtornos digestivos relacionados à hiperacidez e à flatulência. Envolve a ação de enzimas, bactérias, ácidos e substâncias alimentares, com formação de gases e “toxinas”. Nesse artigo falaremos sobre Remédio Caseiro para Fermentação- Tratamento Natural.

Fermentações

Alimentos que não se combinam, excesso de comida, ansiedade, mastigação incompleta e distúrbios digestivos preexistentes, favorecem “fermentações”.
Para trotá-Ias, substituir esporadicamente uma refeição por fruta, como maçã (exclusivamente), eleita uma das melhores frutas no tratamento das fermentações.

Não misturar muitos alimentos numa refeição, abolir os “alimentos prejudiciais”, como açúcar, frituras etc., comer menos e mastigar mais, usar carvão vegetal ativado para uso interno (uma colher, das de chá, do pó em um pouco de água duas vezes ao dia, por poucos dias).

Frituras

contra-indicadas numa dieta de saúde.

Publicidade

Fezes

As características das fezes são indicador das condições de saúde do indivíduo, e ajudam no diagnóstico de eventuais doenças:

• Fezes normais – Apresentam consistência firme e pastoso, e coloração castanho-clara. Conforme a dieta, a coloração pode variar para um tom avermelhado (por exemplo, quando se usa beterraba). Devem ser liberadas sem grande esforço e sem dor. Não há muco, formação de espuma, fragmentação, nem cheiro muito intenso. Alterações nesse padrão podem indicar problemas.

• Fezes malformadas, fragmentadas e/ou intensamente malcheirosas – Podem indicar verminoses, inflamação digestiva (como colite), dispepsia, ou fermentação intestinal crônica. E preciso corrigir a dieta, mastigar completamente os alimentos, investigar a causa, tratar eventuais distúrbios digestivos e combater verminoses. Distúrbios emocionais interferem na digestão e nas características das fezes.

• Fezes muco-purulentos – Indicio de infecção intestinal, verminoses, putrefação, fermentação ou processos inflamatórios, como colite.

• Fezes duras – Indicam trânsito intestinal moroso, prisão de ventre, falta de fibra na alimentação. Há risco de hemorroidas, diverticulose, varizes, câncer intestinal. E preciso mudar a dieta. Hipofunção vesicular produz fezes duras devido à falta de bile.

• Fezes cilíndricas, duras e finas – Podem indicar obstrução intestinal ou constipação severa. Requerem avaliação médica.

• Fezes escuras (ou alcotronosas) – Quando muito escuras, como borra de café, indicam hemorragia gastrintestinal. Podem revelar úlcera gastrintestinal, merecendo imediata avaliação médica. Durante o uso de carvão como remédio as fezes ficam escuras, o que é normal.

• Fezes claras – São indício de deficiência de pigmentos biliares, como o que acontece em certos afecções hepáticas (hepatite).

Publicidade

• Fezes cinzentos – Indício de mau funcionamento da vesícula.

• Fezes avermelhadas – Se contêm sangue vivo, podem ser indício de sangramento no intestino grosso, hemorroidas, câncer intestinal. E preciso averiguar logo a causa. Se apenas exibem coloração avermelhada, podem indicar o uso de alimentos contendo pigmentos vermelhos, como beterraba (nada anormal). Suspender alimentos vermelhos por algumas semanas e verificar se as fezes continuam avermelhadas. Caso positivo, procurar um médico.

• Fezes liquefeitas – Indício de trânsito intestinal anormalmente rápido. Múltiplas podem ser as causas. Vão das infecções à tensão emocional. Averiguá-las e combatê-las.

• Fezes espumosas – Indicam protozooses, como giardíase, ou fermentação digestiva crônica. Tratar a protozoose e a fermentação, melhorando os hábitos dietéticos (mastigar completamente, mudar a alimentação, proceder periodicamente a uma desintoxicação etc.).

• Fezes em água de arroz – Indício de cólera (abundante exsudação serosa). Procurar imediatamente um médico.

• Fezes esverdeadas – Indicam liberação de material mucopurulento, podendo denunciar infecção gastrintestinal importante. O tifo pode produzir diarreia intensamente verde.

Nesse artigo falamos sobre Remédio Caseiro para Fermentação- Tratamento Natural.

Imagem-  dicassobresaude

dicas Dica Extra: Como Curar Doenças de Forma Natural

Descubra como PREVENIR e CURAR doenças através de métodos naturais e alimentos simples. Descubra o real PODER DE CURA PELA NATUREZA - Clique Aqui

Publicidade

Leia também:


Deixe um Comentário

Deixe um Comentário

Seu e-mail não será publicado.


*