Remédio Caseiro para Micose- Tratamento Natural

Entre as causas, destacam-se a transpiração excessiva, a falta de banho diário, a predisposição individual e, principalmente, muita exposição ao sol. Nesse artigo falaremos sobre Remédio Caseiro para Micose- Tratamento Natural.

Micose

Tinha negra palmar, piedra e outras manifestações mitóticas A tinha negra palmar, rara, é também provocada por fungos comensais. Produz manchas escuras na pele, ocasionadas pelo fungo Cladosporium wernecki.

A piedra manifesta-se na forma de nódulos nos cabelos e na barba, de coloração branca e castanho-escura.
A tricomicose axilar, provocada por bactérias, aparece costumeiramente nos pêlos das axilas, mas pode ocorrer também nos pelos da região genital. Surgem caroços irregulares, de coloração variada, que oscila do amarelo ao preto. No tratamento, é preciso raspar os pelos.

O eritrasma ataca regiões de temperatura mais elevada, como dobras de pele, região submamária e axilas. Não produz maiores reações, e se manifesta como manchas amarelo-castanhas, podendo haver descamação.

Publicidade

Dicas:

• A melhor maneira de evitar as micoses é manter boa higiene, interna e externa. Quando falamos em higiene interna, referimos-nos à boa alimentação, ao bom funcionamento intestinal e renal, à abstinência dos vícios, enfim, a cuidados que promovem a resistência orgânica.

• Evitar contato com pessoas doentes. As micoses são muito contagiosas.

• Quem tem tendência a micoses nos pés deve evitar o uso de sapatos fechados, especialmente de material sintético. No verão, particularmente, são recomendáveis as sandálias. Após o banho, é preciso enxugar bem entre os dedos. Usar meias secas e limpas, e talcos apropriados.

• Micoses no couro cabeludo são prevenidas lavando-se regularmente o cabelo com shampoos adequados. Cuidado com escovas, pentes, grampos etc., que podem transmitir micoses.

Micoses – oportunistas

A exemplo das infecções em geral, naturistas creem que a acidose orgânicas micoses são oportunistas, isto é, tica, ocasionado, entre outras coisas, pelo proveito de um terreno que lhes é aumento do ácido úrico, favoreceria a apropriado ao desenvolvimento.

Os erupção de micoses, particularmente entre os dedos, cuja pele se mostra arroxeada, enrugado, sensível e pruriginoso.

Podem surgir bolhas que drenam líquido. Esse processo pode se tornar crônico, e propiciar o desenvolvimento de micoses nas unhas, que sofrem gradativa e completa destruição.

Como vimos, esta afecção é chamada pé-de-atleta. Embora os dermatologistas descartem a possibilidade de que o ácido úrico possa, de algum modo, intervir nas micoses, os naturopatas enfatizam que tal afirmação é baseada em observações. As micoses relacionam-se a alimentos acidificantes, como carnes e grãos secos, com o agravamento das reações.

Publicidade

Explicam também os naturistas que as micoses são migratórias, isto é, podem passar de uma parte para outra do corpo. Isso acontece quando a resistência orgânica é baixa, ou os hábitos higiênicos são inadequados. A melhor maneira de combatê-las é, portanto, através do fortalecimento das defesas, somado a medidas higiênicas.

Como fortalecer as defesas? Por meio de boa alimentação, aliada a todo um conjunto de hábitos sadios. Com a mudança de vida, cultivando bons hábitos, as micoses tendem a desaparecer por si, em alguns casos.

As micoses podem, segundo conceito médico-naturista bem difundido, guardar relação com o uso regular de alimentos acidificantes, a saber, carnes, particularmente carnes magras (mais acidificantes que as gordas), frutos-domar, frituras, pastelarias, açúcar, doces, chocolate, massas refinadas, lanches ligeiros, alimentos fortemente condimentados, grãos secos em excesso, etc.

Quando somamos esse fator à predisposição genética e à mó higiene, é muito provável que surjam lesões micóticas. Por isso, a primeira providência dietética é tornar a alimentação predominantemente alcalinizante.

remedio-caseiro-para-micose-tratamento-natural

Na prática:

• Passar alguns dias, nos quais se mantém relativo repouso, só com frutas, como maçã, uva, ameixa, melão etc., de três em três horas. Ou passar um dia por semana só com sucos frescos, de três em três horas. Manter repouso nesses dias.

• Toda vez em que tomar água, acrescentar um pouco de limão. Não adicionar açúcar. Ao contrário do conceito popular, o limão não é acidificante no metabolismo, mas alcalinizante. No começo, segundo os naturistas, pode haver aparente piora, ocasionada pelo aumento das eliminações ácidas. A persistência, aliada a uma boa alimentação, entretanto, revelará bons resultados.

• Começar as refeições sempre com alimentos crus. Saladas nas refeições salgadas e frutas em boa quantidade nas refeições doces são as melhores entradas. Diminuir o consumo de feijões e outras leguminosas, massas, pões, cereais e doces. Carnes, vísceras e embutidos precisam ser particularmente evitados.

• O uso de suplementos de vitamina E (de 400 a 800 til por dia), vitamina A (suco de cenoura, um copo ao dia) e complexo B ajudam de modo notável na melhoria de micoses, como o pé-de-atleta.

As dietas terapêuticas naturais são empregadas em clínicas naturistas e por medicinas tradicionais, Adote alimentação saudável, mas não mude radicalmente sua alimentação sem orientação profissional.

Sugestões dos manuais de fitoterapia:

• Aplicar no local, alternadamente, com algodão, o seguinte preparado: bater três folhas de tanchagem com um pouquinho de água e extrato de Pofia paniculata; aplicar no liquidificador pelo menos três vezes ao dia, persistentemente. As micoses, mais do que outras doenças, requerem tratamento muito persistente. Há os que, aos primeiros sinais de melhora, largam o tratamento. A micose reaparece com renovado vigor. Há também os que largam o tratamento em pouco tempo, por julgarem que não há efeito visível. Não logram recuperar-se.

• A polpa de babosa, aplicada perseverante mente no local, é também indicada. Três aplicações diárias do sumo de toda a planta, batida e coada. No couro cabeludo, pode-se usar o mesmo tratamento, além de shampoos apropriados, que devem ser indicados por um dermatologista.

• Particularmente nos casos de tinha favosa e Kerion celsii, porém, poderá ser necessário tratamento alopático, indicado pelo dermatologista. O antigo método da radioterapia epilatória é pouco recomendável. Igualmente perigoso é o uso de acetato de tálio, extremamente tóxico, que pode vir mesmo a ser fatal para o paciente, se utilizado em dose acima de certo limite.

Babosa (AIoe vera)

É tradicionalmente indicada para combater alergia, asma, hemorroida.

Modo de usar: aplicar localmente a polpa gelatinosa. Há no mercado preparações à base de A!oe vera, com dosagens precisas para uso interno em caso de asma, doenças intestinais etc. O uso interno da planta ao natural requer muitos cuidados, pelo que contra-indicamos.

Nesse artigo falamos sobre Remédio Caseiro para Micose- Tratamento Natural.

Imagem- bemblogado
 

dicas Dica Extra: Como Curar Doenças de Forma Natural

Descubra como PREVENIR e CURAR doenças através de métodos naturais e alimentos simples. Descubra o real PODER DE CURA PELA NATUREZA - Clique Aqui

Publicidade

Leia também:


Deixe um Comentário

Deixe um Comentário

Seu e-mail não será publicado.


*