Bronquite-Tratamentos naturais, dúvidas, sugestões e muito mais

 

É comum começar com uma leve sensação de “coceira” na garganta. Logo vem o desconforto respiratório, com ruídos característicos na caixa torácica: sibilâncias e roncos.

A resposta do organismo é explosiva: tosse, às vezes muito forte. E lá vem o catarro, ou muco. Antes de estudarmos os tratamentos naturais para bronquite, vamos descobrir suas causas.

Nesse artigo falaremos da Bronquite-Tratamentos naturais, dúvidas, sugestões e muito mais.

Bronquite-Tratamentos naturais, dúvidas, sugestões e muito mais

Bronquite é a inflamação dos brônquios, provocada por agentes injuriantes, como vírus e bactérias, que ocasionam aumento da secreção normal do muco.

O muco é produzido pela árvore brônquica, como reação normal do organismo. Diariamente as células produtoras de muco segregam cerca de 100cm dessa substância, constituído principalmente de proteínas e carboidratos.

Sua função principal é umedecer o ar inalado e “filtrar” partículas e germes. Mas quando é produzido em excesso, como resultado de irritação e inflamação dos brônquios, causadas por germes, você tem bronquite.

A bronquite pode ser aguda ou crônico.

A aguda geralmente é benigna e melhora dentro de pouco tempo, com pequeno margem de possibilidade para complicações.

A formo crônica, entretanto, muitas vezes associada ao tabagismo, pode ser grave.

A forma aguda geralmente é provocada por vírus, às vezes pelos mesmos que causam resfriado ou gripe.

As bactérias também podem desencadear bronquite, mas, como acontece em outras infecções, costumam aparecer depois de um ataque viral.

As bactérias causam mais estragos em pacientes debilitados, idosos e em portadores de bronquite crônica.

Os que têm reação alérgica, do tipo asma, também poderão apresentar problemas com as bactérias, se elas resolverem invadir os brônquios.

Agentes não-infecciosos, como poeira e gases irritantes (sulfetos, monóxido e dióxido de carbono), também podem irritar os brônquios e favorecer a ação dos agentes infecciosos.

Sintomas:

A tosse é um dos sintomas mais característicos. Pode vir forte a ponto de asfixiar. A exposição ao ar frio e a inalação de fumaça (inclusive a de cigarros) pode desencadear a tosse.

A respiração difícil e ruidosa costuma acompanhar a tosse e surge como resultado do deslocamento de massas de muco, que o organismo tenta expelir do pulmão.

Os sintomas comuns às infecções estão presentes: febre, indisposição, dores de cabeça e falta de apetite.

Há também expectoração e sensação de ardor no tubo respiratório. Esse desconforto atinge também a laringe e a garganta.

No começo, há pouca expectoração. Com o passar do tempo torna-se abundante e até purulenta, por causa da infecção.

Bronquite asmática

É preciso explicar que, em bronquites agudas não complicadas, é raro haver falta de ar. Quando, entretanto, o paciente é alérgico, apresentando asma, a irritação dos brônquios pelos agentes mencionados poderá, desencadear sintomas importantes.

E a bronquite asmática, diferente da bronquite que tratamos aqui, digna de cuidado especial e para entender melhor isso você pode conferir nosso artigo sobre asma.

Complicações

A bronquiolite atinge principalmente crianças e consiste na extensão do processo infeccioso aos bronquíolos, o que agrava o quadro.

Mais preocupante ainda é quando os germes provocam a inflamação do pulmão, obstruindo os alvéolos com exsudato, o que determina a pneumonia.

A atelectasia é uma complicação grave. Os brônquios e os bronquíolos sofrem obstrução pelo processo inflamatório.

Os alvéolos deixam de ser ventilados e suas paredes se fecham pela absorção do ar neles contido. Trata-se de colapso respiratório.

bronquite-tratamentos-naturais-duvidas-sugestoes-e-muito-mais

 

Conselhos gerais

Grandes aglomerações e recintos fechados favorecem a disseminação da infecção dos brônquios.

Expor-se ao ar frio é contra-indicado, principalmente durante a fase aguda e na convalescença, ou após banho quente.

Manter o organismo em condições satisfatórias de resistência é fundamental tanto na prevenção como no tratamento.

Pessoas com boas condições imunológicas dificilmente apresentarão complicações. A bronquite desaparecerá dentro de poucos dias.

Pessoas com organismo debilitado por más condições de alimentação e higiene estão mais sujeitas a contrair bronquite e ter complicações.

Bronquite “que volta sempre” (bronquite recorrente)

Quando as crises se repetem constantemente, é preciso verificar se não existem focos de germes nas partes superiores do aparelho respiratório (sinusite, otite, amigdalite etc.).

A naturopatia, que estuda o Tratamento Natural da Bronquite, afirma que os maus hábitos alimentares são causa ativa de bronquite recorrente. O consumo exagerado de açúcar, guloseimas e laticínios seria um dos culpados pelos freqüentes ataques de bronquite.

Essa tese dietética, defendida por médicos e nutricionistas da linha “naturalista”, está bem fundamentada em fatos.

Repetidas vezes temos observado, em nossa clínica, bronquites rebeldes melhorarem expressivamente com simples mudanças na alimentação.

Tratamento Natural da Bronquite

Durante a fase aguda a dieta deve ser rica em líquidos, constituída principalmente de sucos, frutas, cereais integrais e verduras frescas. Devem-se evitar laticínios (leite, queijo, iogurte etc.), doces, guloseimas, refrigerantes, carnes, açúcar, frituras e massas brancas.

Adotar regime naturista saudável. Enquanto houver febre usem-se sucos de frutas, como o de laranja. Neste artigo você poderá conferir não só Tratamentos Naturais da Bronquite, mas saber suas causas e complicações.

Alimentação Natural

Vem-se observando na prática uma relação entre o açúcar, os laticínios e a muco gênese. Esses alimentos favorecem a produção de muco e criam ambiente “festivo” para os germes.

Por isso, diminuir seu consumo e, em muitos casos, aboli-lo por bom tempo, é o primeiro passo rumo à prevenção da bronquite repetitiva. Outras providências recomendadas em alimentação natural são também indicadas.

Para desintoxicar recomenda-se um programa como o seguinte:

  • Para as crianças sugere-se, durante um mês pelo menos, um dia por semana ou por quinzena só com frutas e/ou sucos de frutas (refeições de três em três horas). Não misturar sucos nem frutas; usar um tipo de suco e um tipo de fruta por vez. Ótimo Tratamento Natural da Bronquite.
  • Manter repouso nesse dia. Duas vezes por semana sugere-se substituir uma refeição (como o desjejum) por maçã, exclusivamente. Em lugar da primeira refeição, em jejum, pode-se usar esporadicamente a bebida alcalinizante (ver modo de preparar à página 138). Quem não tolera bem essa bebida pode tomar água com limão e três gotinhas de própolis.
  • Para os adultos sugere-se desintoxicar o organismo passando um dia por semana com dieta de frutas, como a maçã ou a uva ou o melão, a cada três horas, e outro dia na semana com dieta exclusiva de sucos de frutas, durante três meses. Também é conveniente, dois dias por semana, substituir uma refeição por maçã, exclusivamente. Se houver prisão de ventre, misturar maçã e mamão. Meia hora antes da primeira refeição, em jejum, tomar a bebida alcalinizante, ou água com limão.

Nesse artigo falamos sobre Bronquite-Tratamentos naturais, dúvidas, sugestões e muito mais.

Imagem- posestacio.com.br

dicas Dica Extra: Como Curar Doenças de Forma Natural

Descubra como PREVENIR e CURAR doenças através de métodos naturais e alimentos simples. Descubra o real PODER DE CURA PELA NATUREZA - Clique Aqui

Leia também:




Deixe um Comentário

Deixe um Comentário

Seu e-mail não será publicado.


*