Fosfatase Alcalina Alta – O Que é, Por que Ocorre e Como Tratar?

Ao fazer exames de sangue, muitas pessoas desejam saber o que significa o nível de fosfatase alcalina alta. Além disso, é preciso identificar as causas e tratamentos dessa situação. Para saber mais detalhes sobre este assunto, laia nosso post.

 

fosfatase alcalina alta

 

O que é fosfatase alcalina?

Antes de mais nada, é preciso esclarecer que a fosfatase alcalina consiste numa enzima localizada em diversas regiões do corpo, sobretudo no fígado, rins, ossos, intestinos e na placenta.

A maior concentração desta enzima está presente no fígado e nos ossos. Desse modo, o exame de sangue que abrange a fosfatase alcalina tem por objetivo mensurar a concentração desta enzima na corrente sanguínea.

Quando este exame é solicitado?

De forma geral, o exame para avaliar a fosfatase alcalina é solicitado quando o paciente apresenta gama GT elevado ou apresenta sintomas relacionados às doenças no fígado ou nos ossos.

Sintomas provenientes de doenças hepáticas (no fígado)

  • Náusea e/ou vômitos;
  • Inchaço e dores no abdômen;
  • Fraqueza;
  • Diminuição do apetite;
  • Icterícia (pele ou olhos amarelados);
  • Urina com coloração escura;
  • Fezes claras ou esbranquiçadas;
  • Coceira.

E o que significa a fosfatase alcalina alta?

De forma geral, a alta concentração de fosfatase alcalina pode indicar:

  • Hepatite;
  • Doença de Paget (enfermidade óssea);
  • Leucemia;
  • Linfoma;
  • Sarcoidose (espécie de doença autoimune que causa inflamação nos órgãos);
  • Raquitismo (falta de mineralização dos ossos);
  • Más condições da estrutura óssea, incluindo ocorrência de tumores;
  • Obstruções biliares;
  • Hiperparatireoidismo (baixo nível de cálcio e vitamina D).

Qual melhor tratamento para fosfatase alcalina alta?

Antes de mais nada, para que seja possível tratar os altos níveis de fosfatase alcalina é necessário identificar a causa da alteração, já que conforme mencionado anteriormente, isso pode ocorrer por diferentes motivos.

O médico responsável pelo tratamento deverá solicitar outros tipos de exames laboratoriais e até mesmo de imagem com o intuito de obter clareza absoluta quanto ao diagnóstico.

Depois disso, é preciso prescrever remédios e demais tratamentos de acordo com a enfermidade responsável por provocar níveis elevados de fosfatase alcalina no sangue.

Considerações importantes

O resultado deste exame que busca mensurar a fosfatase alcalina pode ser alterado pelos seguintes fatores:

  • Uso de determinados tipos de medicamentos, sobretudo quando feitos de forma contínua;
  • Ocorrência dos sintomas da menopausa;
  • Uso constante de álcool.

Portanto, é de suma importância responder corretamente todas as perguntas feitas pelo médico durante a consulta e exames clínicos. Desse modo, o diagnóstico será muito mais rápido e preciso.

Outro detalhe importante é não tentar interpretar os resultados do exame por conta própria, já que somente um especialista poderá avaliar com exatidão o estado do paciente, assim como prescrever o tratamento adequado.

O ideal para a saúde é que os níveis de fosfatase alcalina estejam sempre equilibrados, ou seja, nunca alta e nem baixa demais, já que as duas situações indicam desequilíbrios orgânicos.

Portanto, caso seja notado qualquer sintoma de desconfortos relacionados ao fígado e aos ossos, a melhor alternativa é procurar um especialista imediatamente, para que sejam feitos todos os exames referentes à fosfatase alcalina alta.

Imagem: sincron.com.br

 

 

 

 

 


dicas Dica Extra: Como Curar Doenças de Forma Natural

Descubra como PREVENIR e CURAR doenças através de métodos naturais e alimentos simples. Descubra o real PODER DE CURA PELA NATUREZA - Clique Aqui

Leia também:




Deixe um Comentário

Deixe um Comentário

Seu e-mail não será publicado.


*