Pneumonia- Causas, Tratamento, Sintomas e Cuidados a se Tomar

 

pneumonia-causas-tratamento-sintomas-e-complicacoes

É um dia rotineiro para Tiago. O período da manhã transcorre normalmente em seu trabalho. Sente-se até bem disposto.

Depois do almoço, porém, começa a notar leve mal-estar. Arrepios de frio, sensação de febre, que aumentam no fim da tarde. “Põe a mão na minha testa”, pede a um colega, que sugere o uso de um termômetro. Quase 38° C. No fim do expediente, a indisposição já é forte.

Em casa, ao medir a temperatura, assusta-se: já passa dos 39° C. Os tremores e os arrepios não param. Toma um antitérmico.

Dali a pouco, sente-se melhor e vai deitar-se, imaginando tratar-se de gripe passageira. A noite, começa a tosse. No dia seguinte, não consegue ir ao trabalho.

Publicidade

O peito e as costas doem. A tosse se intensifica, aumentando a dor no peito. O catarro assume a cor de tijolo.

Resolve ir ao médico que, sem dificuldade, estabelece o diagnóstico: pneumonia. Nesse artigo falaremos sobre Pneumonia- Causas, Tratamento, Sintomas e Cuidados a se Tomar.

Sintomas

Um dos sintomas mais comuns é a dor no peito (que se pode manifestar como “pontadas”), provocada por inflamação da pleura, muito sensível.

O catarro irrita a traqueia e produz tosse, habitualmente seca no começo. O catarro é primeiramente eliminado em pequena quantidade, às vezes com estrias de sangue.

A cor de tijolo é característica, devido à mistura de hemoglobina dos glóbulos vermelhos ao muco. Surgem, portanto, áreas congestionadas por catarro e sangue, que entram em pane, produzindo dificuldade de respirar (respiração rápida e dificultosa).

Publicidade

dor de cabeça. O paciente se sente incomodado, não conseguindo relaxar. A febre é outro sintoma comum.

As vezes, aparece inchaço nos lábios, produzido por vírus, que se instala devido ao enfraquecimento das defesas.

No fim do processo, que pode levar vários dias, o paciente sente sede e falta de apetite. A língua mostra-se esbranquiçada, a urina rarefeita e o catarro ainda mais avermelhado.

Pneumonia é uma doença perigosa e é sempre importante que saibamos quais sãos suas Causas, seus Tratamento, seus Sintomas e Cuidados a se Tomar.

Só depois de mais ou menos uma semana, a febre começa a ceder. O paciente transpira copiosamente. O conteúdo do pulmão se fluidifica, e começa a fase realmente produtiva, com abundante expectoração.

Estes sintomas variam muito de caso para caso. As vezes são tão leves que se confundem com a gripe, ou tão fortes que provocam complicações mesmo fatais. Tudo dependerá das condições globais de resistência do organismo.

Pneumonia e suas Causas, seu Tratamento, Sintomas e Cuidados a se Tomar:

• Linhaça – Com a linhaça, prepara-se um remédio caseiro muito útil como expectorante: Moer os grãos de linhaça (sementes de linho) e misturar com mel. De três a seis colheres, das de sopa, ao dia.

• Mel, agrião, eucalipto e própolis – Compostos à base de mel, agrião, própolis e extrato de eucalipto são muito indicados. Facilmente encontrados no mercado de produtos naturais.

• Prímula – Empregada há tempo contra a pneumonia. Tomar de duas a três xícaras do chá, morno, ao dia. Ferver em meio litro de água uma colher, das de sopa, da planta picada.

• Tussilagem – Quando há tosse, um dos melhores remédios naturais é a tussilagem, cujo nome, em latim tussilago (tussi vem de tosse), significa “dispersador da tosse”.

Para preparar um poderoso xarope contra a tosse, cobrir 309 de folhas bem frescas de tussilagem com meio litro de água, e ferver até que a água se reduza a uma xícara.

Coar e acrescentar mel. Deixar ferver novamente. Colocar num vidro. Cada vez que a tosse se manifestar, tomar uma colher, das de sopa. Há no mercado xaropes prontos à base de tussilagem.

• Zedoária – Expectorante, anti-séptico pulmonar, tonificante do organismo, pode ser usada no fim do processo, na convalescença. A dose usual é de duas ou três cápsulas de 300mg ao dia.

Zedoária é uma ótima forma de se combater a Pneumonia e suas Causas, além de ajudar no seu Tratamento, Sintomas e prevenções,

Outros procedimentos*

É preciso umidificar o ar para que o catarro do pulmão se fluidifique e possa ser mais facilmente eliminado. Vaporizações ambientais são, às vezes, indicadas. Poderão ser úteis inalações diárias com vapor de eucalipto.

• Cambará (Lantana Spinosa). É indicado para combater asma, coqueluche e tosse.

Modo de usar: Derramar 1/2 litro de água fervente sobre 2 colheres, das de sopa, da planta p1-cada. Deixar esfriar. Filtrar e tomar. 2 xícaras ao dia. pressas quentes, podem aliviar eventuais congestões pulmonares.

Se houver problema digestivo, como prisão de ventre, pode ser necessário fazer uma lavagem intestinal com água previamente fervida (obter permissão médica) e compressas de argila ligeiramente aquecidas, de duas horas, no abdome.

Lembrete: estas indicações; são tradicionais, e não suprimem o tratamento médico.

Publicidade

Nesse artigo falamos sobre Pneumonia- Causas, Tratamento, Sintomas e Cuidados a se Tomar.

Imagem-remediosnaturaiscaseiros

Assuntos Interessantes:

 

Deixe um Comentário

Deixe um Comentário

Seu e-mail não será publicado.


*


20 − dezessete =