Pontos Chineses da Acupuntura – Corpo, Orelha e Pés

Falaremos dos pontos que são importantes para compreender o que é Acupuntura e quais seus principais tratamentos. Os “Pontos” chineses são utilizados sempre segundo a concepção oriental de doença, para agir sobre um órgão ou sobre um aparelho doente – logo, em estado de desequilíbrio funcional – quer para acelerar seu funcionamento.

Diferentes resultados para diferentes pontos

Quer para combater sua hiperatividade, é preciso “punturar” ao longo dos meridianos na região dos “pontos” que lhes correspondem.

Os médicos chineses sempre observaram que as perturbações funcionais vêm freqüentemente acompanhadas de modificações no psiquismo do doente.

Assim como de sensações dolorosas em certos locais precisos da superfície da pele, sendo que estes últimos são sempre os mesmos quando se trata de um mesmo sintoma.

Publicidade

Essa sensibilidade, nem sempre percebida pelo doente, mas que se revela à simples pressão do dedo sobre a zona em questão e que pode ser comparada àquela causada por uma contusão recente, desaparece desde que o distúrbio funcional deixe de se manifestar.

Por outro lado, no que se refere à medicina ocidental, o clínico conhece perfeitamente a existência de pontos dolorosos.

Como, por exemplo, os pontos cutâneos descritos pelo médico alemão Weibe, que surgem após uma intoxicação provocada por veneno ou por fortes doses de medicamentos, ou ainda os pontos renais de Cuyon.

Observados após afecções que atingem os rins, sem falar dos pontos clássicos de Valleix, na crise de ciática; sobre esses últimos, é interessante notar que a maioria deles é utilizada pelos chineses no tratamento dessa nevralgia.

Também teremos a confirmação da existência desses “pontos” e de sua realidade se nos reportarmos às pesquisas do doutor Dimier e aos resultados a que chegou.

Ao medir num galvanômetro ultra-sensível as ondas elétricas cutâneas, notou que o resultado calculado em micro-ampères era mais elevado na região dos pontos dolorosos. Pode-se, pois, concluir que todas essas constatações, tanto objetivas quanto subjetivas, permitem confirmar a realidade desses “pontos” descritos pelos chineses.

Resumindo, esses pontos, em número de seiscentos aproximadamente e distribuídos ao longo dos “meridianos”, são ao mesmo tempo as sedes da localização superficial da perturbação funcional de um órgão e os centros de seu tratamento através da acupuntura.

Pontos da acupuntura das mãos

acupuntura-coreana-pontos-mão

 

Pontos da acupuntura dos pés

pontos-acumpuntura-pésjpg

dicas Dica Extra: Como Curar Doenças de Forma Natural

Descubra como PREVENIR e CURAR doenças através de métodos naturais e alimentos simples. Descubra o real PODER DE CURA PELA NATUREZA - Clique Aqui

Publicidade

Publicidade

Leia também:


Deixe um Comentário

Deixe um Comentário

Seu e-mail não será publicado.


*