Erva-de-bicho – 9 benefícios que ela oferece para a saúde

erva-de-bicho

Tendo suas origens na América do Sul e facilmente adaptável a regiões úmidas, a erva-de-bicho é utilizada para fins medicinais no tratamento de diversas doenças. Para conhecer todos os benefícios que ela oferece e saber como preparar o chá dessa planta, confira nosso post.

erva-de-bicho

9 benefícios da erva-de-bicho

1 – Ajuda no tratamento de hemorroidas

Em virtude das propriedades cicatrizantes, anti-inflamatórias e analgésicas, o chá dessa erva é bastante recomendado para o tratamento natural de hemorroidas.

Além disso, por conter substâncias vasodilatadoras, essa erva estanca a hemorragia que geralmente acompanha esse problema.


A infusão dessa planta no tratamento de hemorroidas pode ser ingerida ou utilizada para fazer banhos de assento, aliviando a dor e terrível desconforto causado por esse problema. A eficácia da erva-de-bicho é tão grande que ela é amplamente utilizada na fabricação de pomadas para o tratamento alopático das hemorroidas.

2 – Favorece a pele

Em virtude das propriedades anti-inflamatórias, adstringentes e cicatrizantes, essa planta apresenta excelentes resultados no tratamento de problemas de pele decorrentes de alergias, feridas, lesões, acnes etc.

Além de inibir efeitos inflamatórios, ela higieniza os poros, evitando o acúmulo de agentes poluentes, toxinas ou até mesmo bactérias.

3 – Alivia dores reumáticas

O consumo do chá dessa planta está associado à diminuição e alívio da dor e inchaço nas articulações causadas por doenças reumáticas ou lesões musculares.

Esse resultado é possível graças às substâncias analgésicas e anti-inflamatórias, já que elas atuam nas causas do problema.


Esse chá pode ser bebido ou também utilizado para a aplicação de compressas nos locais mais afetados pela dor ou inchaço.

4 – Combate vermes

As substâncias vermicidas presentes na erva-de-bicho combatem os vermes intestinais que podem se concentrar no intestino, situação ainda mais comum em crianças.


Embora pareça um problema simples, a presença de vermes pode ocasionar sérias deficiências nutricionais que acarretam anemia, cansaço extremo, dificuldade de crescimento, problemas cognitivos etc.

5 – Favorece a digestão

As propriedades adstringentes dessa planta auxiliam as funções digestivas, inibindo a absorção de gordura após as refeições e contribuindo para a queima de calorias.

Essas substâncias adstringentes também contribuem para a limpeza do intestino e bom funcionamento do fígado, evitando doenças como a esteatose hepática (gordura no fígado).

6 – Combate hemorragias

Em virtude das substâncias vasocontritoras da erva-de-bicho, essa planta é fundamental para combater hemorragias pequenas e moderadas, fator de grande ajuda para cicatrização de feridas e cortes.

7 – Ajuda no funcionamento dos rins

Rica em propriedades diuréticas, essa planta estimula o funcionamento dos rins, eliminando principalmente o excesso de sódio, açúcar e gordura.

Vale ressaltar que pelo aumento da eliminação de água, é necessário que ao ingerir esse chá sejam ingeridos 2 litros de água no decorrer do dia, evitando episódios de desidratação que podem causar sérias complicações no organismo.

8 – Indicada para o tratamento de amenorreia

A amenorreia consiste em um problema feminino caracterizado pela ausência de fluxo menstrual. A erva-de-bicho favorece o fluxo menstrual retido e ajuda a tratar esse problema de forma natural.

Obs.: o uso dessa planta não elimina a necessidade de procurar um ginecologista para avaliação médica detalhada e realização de exames.

9 – Favorece o desempenho sexual

Reconhecida por suas propriedades afrodisíacas, essa planta favorece o desempenho sexual e ajuda no tratamento de problemas relacionados à impotência (masculina) e frigidez (feminina).

Quais são as contraindicações da planta erva-de-bicho?

  • Ainda que essa planta ofereça uma série de benefícios para a saúde, ela não é recomendada para:
  • Gestantes ou mulheres que desejam engravidar. Obs.: essa planta contém substâncias abortivas;
  • Lactantes (mulheres que estão amamentando);
  • Pessoas que apresentam inflamações ou congestionamento na região genital, pois a erva-de-bicho aumenta o fluxo de sangue nas partes genitais;
  • Pessoas predispostas a alergias com o consumo de plantas.

Onde comprar erva-de-bicho?

Essa planta é facilmente encontrada em lojas de produtos naturais de todo Brasil (físicas e pela internet).

Receita do chá de erva-de-bicho

Ingredientes

  • 2 colheres (sopa) de erva-de-bicho;
  • 1 litro de água.

Preparo

  • Colocar a água para esquentar. No momento em que ela ferver, desligar o fogo e adicionar a erva. Deixar o recipiente tampado por 10 minutos, fazendo com que a água absorva bem as propriedades medicinais da planta;
  • Coar o chá e armazená-lo em uma garrafa de vidro com tampa. Ingerir aos poucos no decorrer do dia.

Por que cada vez mais pessoas estão utilizando plantas medicinais?

Inúmeras pesquisas têm comprovado os efeitos altamente benéficos das plantas medicinais para o tratamento de uma série de doenças físicas e emocionais.

Inclusive, tais plantas são utilizadas pela indústria de medicamentos, o que prova a eficácia delas desde que utilizadas da forma correta.

O consumo excessivo de analgésicos, anti-inflamatórios ou antibióticos fragiliza as defesas imunológicas, fazendo com que cada vez mais o organismo necessite de dosagens maiores desses medicamentos. Isso sem contar nos problemas estomacais, intestinais e demais efeitos colaterais.

Embora os tratamentos médicos não devam ser substituídos, as plantas medicinais funcionam como tratamentos preventivos e complementares.

Como potencializar os efeitos dessas plantas?

Além de se informar sobre os benefícios de plantas medicinais como a erva-de-bicho e muitas outras, é essencial adotar uma alimentação mais saudável, reduzindo ao máximo o consumo de alimentos industrializados, carboidratos densos, doces e refrigerantes.

Nutricionistas são unânimes ao recomendar ingerir alimentos que estejam próximos de seu estado natural, ou seja, verduras, frutas, legumes, cereais integrais, grãos etc. Alimentos esses que não contêm os inúmeros componentes químicos utilizados nos processos industriais.


Beber dois litros de água todos os dias é outro hábito de extrema importância para o corpo. A simples ingestão de água pura ajuda a fortalecer as defesas imunológicas, prevenir infecções, eliminar fungos e vírus, evitar a desidratação e favorecer a absorção de nutrientes pelo organismo.

Além da alimentação adequada e da água, praticar um exercício físico de forma regular pode fazer “milagres” pela saúde, evitando diversas doenças como hipertensão, colesterol alto, diabetes etc. e melhorando consideravelmente as defesas imunológicas.

A combinação desses fatores paralelo ao uso do chá de erva-de-bicho é de suma importância para garantir saúde e qualidade de vida a curto e longo prazo.

Imagem:     arquivoverde.com.br 

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*


três × 5 =