Monovin A – O que é, Como Usar, Contraindicações – Serve para Barba?

monovin-a

O Monovin A consiste em um composto vitamínico riquíssimo em vitamina A, sendo indicado para uso veterinário. Entretanto, devido ao fato de ele conter vitamina A pura, muitas mulheres utilizam esse produto para acelerar o crescimento capilar. Em outras palavras, ele funciona como um anabolizante capilar.

 

monovin A

 

Como fazer uso desse produto em humanos?

O uso do Monovin A em seres humanos deve ser feito exclusivamente de forma externa, ou seja, NÃO deve ser ingerido.

Para isso, é necessário utilizar esse produto no preparo de um shampoo que condensa diversas substâncias que favorecem o crescimento dos fios.


Receita do shampoo com Monovin A – Como Usar?

Para cabelos oleosos

Itens necessários

  • 300ml de shampoo sem sal (de acordo com a marca de preferência);
  • 25ml de Bepantol líquido;
  • 3ml de Monovin A;
  • 1 frasco limpo e com tampa para armazenar o shampoo.

Preparo

Colocar todos os ingredientes no frasco e agitar bem.

Para cabelos secos

No caso de cabelos secos, o ideal é aumentar um pouco a quantidade de Monovin, favorecendo a hidratação e o brilho dos fios.

Itens necessários


  • 300ml de shampoo sem sal de acordo com a marca de preferência;
  • 10ml de Monovin A;
  • 10ml de Bepantol;
  • 1 frasco limpo.

Preparo

Misturar todos os ingredientes no frasco e agitar bem.


Esses shampoos devem ser utilizados de 2 a 3 vezes por semana pelo período de 2 meses, sendo possível observar excelentes resultados.

É necessário que após esse período seja feito o intervalo de uso de no mínimo 1 mês, permitindo o “descanso” dos cabelos. Isso evita que o excesso de vitamina A cause queda capilar e demais problemas.

Perguntas sobre a composição do shampoo – Onde comprar e Contraindicações

Por que é necessário que o shampoo seja sem sal?

O sal danifica os fios capilares, sendo responsável pelo aspecto ressecado e quebradiço deles.

O que é o Bepantol e onde comprá-lo?

Trata-se de um composto líquido com grande quantidade de vitamina B5, sendo muito utilizado em produtos capilares e vendido nas farmácias de todo Brasil.

O Bepantol é essencial para deixar o cabelo macio, com brilho e fácil de pentear.

Sendo também disponibilizado em formato de pomada, o Bepantol atua no tratamento da pele, combatendo ressecamento, assaduras e rachaduras na pele.

Onde comprar Monovin A?

Esse produto é facilmente encontrado em pet shops e em lojas de produtos agropecuários.

Esse shampoo possui alguma contraindicação?

De forma geral, esse shampoo não é indicado para pessoas que apresentam predisposição a reações alérgicas no couro cabeludo.

Monovin A para barba?

Alguns homens possuem problemas de crescimento da barba ou até mesmo algumas falhas. O monovin A pode ser usado para fazer a barba crescer mais rápido!

Existem shampoos específicos para a barba e que podemos adicionar o Monovin A, assim como fazemos para os cabelos. Lembrando que o shampoo deve ser sal para não causar ressecamento nessa área. Uso o bepantol para fazer a hidratação.

Para cada 100 ml de shampoo, use 1 ml de monovin. Aplique 3 vezes na semana durante 1 mês. Faça uma pausa de 30 dias e se achar necessário, reaplique o produto.

Dicas extras para cuidar da saúde dos cabelos

Além de fazer uso do shampoo feito com Monovin A, é indispensável adotar uma série de outros cuidados com relação à saúde dos cabelos, que são:

Alimentação

Para ter cabelos saudáveis é essencial cuidar daquilo que comemos, já que a combinação de vitaminas e minerais contidos no organismo favorece os hormônios e demais atividades capilares.

Entre os alimentos mais favoráveis à saúde dos cabelos, destacam-se:

  • Abacate;
  • Mamão;
  • Ovos;
  • Feijão;
  • Cenoura;
  • Beterraba;
  • Manga;
  • Camomila;
  • Gelatina;
  • Morango;
  • Semente de abóbora;
  • Abóbora;
  • Alecrim;
  • Laranja;
  • Romã;
  • Mirtilo;
  • Nozes;
  • Amêndoas;
  • Castanhas;
  • Água de coco;
  • Grão de bico;
  • Óleo de coco;
  • Coco fresco ralado;
  • Mel;
  • Geleia real;
  • Iogurte natural;
  • Rúcula;
  • Agrião;
  • Almeirão;
  • Cavalinha (erva);
  • Curry (especiaria);
  • Coentro;
  • Canela;
  • Azeite de oliva extravirgem;
  • Amendoim torrado (sem sal);
  • Fígado bovino;
  • Limão;
  • Kiwi;
  • Aveia;
  • Tangerina;
  • Espinafre;
  • Iogurte grego;
  • Salmão;
  • Goiaba;
  • Lentilha;
  • Ostras;
  • Aves;
  • Cevada;
  • Batata-doce;
  • Linguado (peixe);
  • Cogumelos shitake;
  • Leite integral e desnatado;
  • Tomates;
  • Manjericão;
  • Brócolis;
  • Linhaça;
  • Soja.

Além de incluir esses itens no cardápio semanal, é indispensável priorizar o consumo de vegetais e ovos orgânicos, ou seja, alimentos que não possuem adição de agrotóxicos.

Tais alimentos são cada vez mais acessíveis, sendo encontrados em grandes supermercados, feiras livres e de pequenos produtores.

De acordo com a Dra. Gisela Savioli, outra recomendação importante para a saúde (e a beleza) é priorizar a ingestão de alimentos que estejam o mais próximo possível de seu estado natural, ou seja, aqueles não processados.

E quais são os piores alimentos para o cabelo?

  • Refrigerantes em geral (incluindo os zero ou diet);
  • Açúcar;
  • Peixe-espada;
  • Doces em geral;
  • Bebidas alcoólicas;
  • Alimentos ao “estilo” fast food (batata frita, lanches, pizzas etc.);
  • Alimentos feitos com farinha branca (tortas, macarrão, bolos, panqueca etc.). O ideal é substituir por alimentos na versão integral;
  • Café;
  • Chá mate;
  • Chá preto;
  • Energéticos;
  • Alimentos processados (salsicha, mortadela, presunto, salame etc.);
  • Molhos e condimentos industrializados (molho de tomate, molhos para salada, maionese, ketchup e mostarda);
  • Temperos industrializados com grande quantidade de sódio (Ex.: caldo de galinha, sachês com tempero pronto para arroz, feijão etc.);
  • Sucos de caixinha ou em pó;
  • Alimentos congelados.

Beber bastante água

O hábito de ingerir 2 litros de água todos os dias é primordial para a saúde dos cabelos (e obviamente do corpo como um todo).

Esse líquido possibilita o transporte de oxigênio, nutrientes e hormônios essenciais às células capilares, fortalecendo, hidratando e rejuvenescendo os cabelos.

Uma dica dada por nutricionistas para monitorar quando o corpo mais necessita de água é observar a cor da urina. Quanto mais escura ela se apresenta, maior a necessidade de ingerir água pura.

Sucos naturais e chás também são altamente indicados para hidratar o corpo e favorecer a saúde dos fios capilares, sobretudo nos dias mais quentes do ano.

Evitar exposição solar

E por falar em dias quentes, principalmente durante o verão é essencial proteger o cabelo da ação dos raios solares.

É recomendável que, além do protetor solar para a pele e shampoos e cremes com filtro solar, sejam utilizados chapéus ou bonés para a proteção principalmente da raiz do cabelo.

Após banhos de mar ou piscina, é necessário lavar os cabelos com shampoos (sem sal) e condicionadores que favoreçam a limpeza e hidratação.


O sal da água do mar e o cloro contido na água da piscina consistem em dois grandes inimigos da saúde capilar, provocando o ressecamento dos fios e favorecendo demais problemas como queda e caspa.

Fazer hidratações semanalmente

Realizar hidratação caseira utilizando ampolas vitamínicas e cremes de tratamento é essencial para manter os cabelos fortes, brilhosos e macios, conferindo um aspecto rejuvenescido à aparência.

Seja por meio do shampoo de Monovin A ou outros elementos, essa hidratação é primordial garantindo um cabelo bonito a curto e longo prazo.

Fontes: 1

 

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*


6 + quinze =